Edermatic Peças
 
 
 
 
 
 
 
Ligue agora
(11) 98765-0193
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Os cronogramas de manutenção oferecidos pelos fabricantes de automóveis nem sempre incluem a transmissão, que desempenha um papel importante no funcionamento e longevidade das peças internas, tal como o óleo do motor.

 
O óleo da transmissão deve ser verificado e alterado de forma regular, no entanto, o intervalo é diferente para cada veículo, dependendo do tipo da transmissão e do tipo de fluido, assim como de sua utilização.

A maioria dos especialistas acreditam que o uso severo necessita de um intervalo de troca do filtro e do óleo, recomendado a cada 50.000 km, sendo definido como uso severo mais de 50% do seu uso em tráfego urbano pesado com temperatura ambiente acima de 32 graus.

 
 
 
 
 
 
 
Mudar o fluido da transmissão não é tão simples como mudar o óleo do motor e deve ser manuseado por um técnico especializado ou alguém com um conhecimento em câmbio automático.

A maioria das transmissões automáticas tem uma vareta semelhante a vareta do óleo do motor, para medir o fluido do câmbio. No entanto, ao contrário do óleo do motor, o carro deve estar funcionando para verificar o nível do óleo.

No manual do veículo especificará também se o carro deve estar no parking (P) ou neutro (N). Quando a vareta está fora, cheire o líquido e observe se ele cheira queimado (um sintoma de superaquecimento).

Retire a vareta de medição do óleo do câmbio, limpe um pouco do fluido em um pedaço de papel branco ou pano e verifique a cor do óleo, se o mesmo estiver com uma cor marrom ou preta isso indica que tem alguma coisa errada no câmbio.

Algumas transmissões mais recentes, incluindo a Chrysler NAG1, não oferecem dipsticks (vareta medidora) para verificações de rotina. Em vez disso, um técnico tem uma vareta especial usada em conjunto com um gráfico e uma varredura eletrônica da temperatura de transmissão para determinar o nível adequado.

Outros fabricantes, incluindo a GM, AUDI, CITROEN, PEUGEOT, RENAULT, têm transmissões seladas que só são verificadas por técnicos treinados com as ferramentas corretas.